Jardim Vertical em Pedra

jardim vertical 2

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Beleza e qualidade de vida

Para quem mora em grandes cidades, basta para dar uma olhada em volta para ver que a paisagem não muda muito dos tons de cinza em grandes prédios e fachadas. Isso, somado a uma grande quantidade de carros e uma consequente poluição, é o resultado ideal para uma vida menos saudável. Pensar em alternativas mais verdes e sustentáveis é- ao mesmo tempo- uma solução e um problema especialmente se forem pensar no espaço e tempo disponíveis para isso. Vemos opções interessantes sendo adotadas. É o caso dos jardins verticais, adotados por diversas pessoas e espaços residenciais ou comerciais. Neles, podem ser usadas as pedras artificiais, formadas por meio de um processo de produção baseado em peças pré-moldadas à base de composto mineral (grout) de alta resistência. É possível a reprodução de pedras obedecendo fielmente à textura, toque e aparência das naturais. Possuem instalação fácil e rápida e são dez vezes mais leves do que as naturais do mesmo tamanho, podendo ser aplicadas não somente em uma área aterrada, mas também sobre lajes e varandas de apartamentos, permitindo os mais diversos tipos de locais e empreendimentos.

A construção desse tipo de intervenção vem, principalmente, dessa necessidade das pessoas em agregar mais natureza e qualidade de vida à sua rotina e, se antes era vista somente em casas, hoje estão ganhando cada vez mais espaço e fazem parte inclusive de planos de instituições e prefeituras por cidades – literalmente- mais verdes.

Segundo paisagistas, a ideia do jardim vertical surgiu pela falta de espaço e também como opção para suavizar a quantidade de concreto. Inspiradas nos jardins japoneses – que têm muitos problemas com a falta de espaço e driblam isso com alternativas criativas- o uso do jardim vertical traz uma sensação de paz, ligação com a natureza e também de uma ampliação do espaço existente. Além de todas as vantagens para a saúde e ao ambiente que os jardins verticais trazem, são ainda relativamente simples de se instalar e manter, bastando ter um pouco de disciplina e observância de algumas regras e cuidados a se tomar, especialmente na preparação do espaço. As principais envolvem boa iluminação, água, impermeabilização e materiais apropriados e específicos. Se quiser conhecer mais sobre os diversos tipos de plantas que se podem usar em jardins verticais e como cuidar delas,  clique aqui.

Gostou, então compartilhe!